quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Já foram vários avisos, preparem-se e não digam que não foram exaustivamente avisados!

Já foram vários avisos, preparem-se e não digam que não foram exaustivamente avisados!


Quando Generais de honra da nação, proferem discursos patrióticos, estes, misteriosamente, ou não, são exonerados e afastados dos seus cargos em contato com seus comandados, ou até mesmo, enviados para o exterior, em missão de paz, como se aqui não houvesse a necessidade de Generais de fibra!

Sem dever nada outro Mourão, da “Redentora” de 64, o qual profetizou a ascensão de um medíocre e louco no poder, com estas sábias palavras:
Palavras do General Mourão na década de 70 !


"Ponha-se na presidência qualquer medíocre, louco ou semianalfabeto e vinte e quatro horas depois a horda de aduladores estará à sua volta, brandindo o elogio como arma, convencendo-o de que é um gênio político e um grande homem, e de que tudo o que faz está certo. Em pouco tempo transforma-se um ignorante em um sábio, um louco em um gênio equilibrado, um primário em um estadista. E um homem nessa posição, empunhando as rédeas de um poder praticamente sem limites, embriagado pela bajulação, transforma-se num monstro perigoso". 
OLYMPIO MOURÃO FILHO.

O atual Mourão foi exonerado após prestar homenagem póstuma ao coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra. Mourão acrescenta à ficha corrida o discurso no qual conclama os brasileiros ao"despertar de uma luta patriótica" e afirma que "a vantagem da mudança (da presidente da República) Perto de ser tirada do poder, a comandanta-em-chefa Dilma Rousseff sofreu a primeira demonstração pública de descontentamento com a situação nacional feita por um Oficial General de quatro estrelas, em serviço ativo, e no comando de um dos mais importantes cargos do nosso Exército. seria o descarte da incompetência, má gestão e corrupção".
O Comandante Militar do Sul, General de Exército Antônio Hamilton Martins Mourão, aproveitou um comentário no final da ordem do Dia do Comandante do Exército em 25 de agosto (Dia do Soldado), em Porto Alegre, para mandar um recado:


"Eu não poderia deixar de complementar a Ordem do Dia do Exmo Sr. Gen Peri. Dirijo-me aos meus Oficiais, Subtenentes, Sargentos, Cabos e Soldados, da ativa e da reserva. Ainda temos muitos inimigos internos que impedem o nosso caminho rumo ao progresso e à democracia. Mas se enganam aqueles que nos imaginam desprevenidos ou despreparados. ELES QUE VENHAM!". No que a tropa, devidamente treinada, respondeu de bate pronto: "SERÃO DERROTADOS".
Comandante Militar do Sul, GENERAL DE EXÉRCITO ANTÔNIO HAMILTON MARTINS MOURÃO.

Outro Comandante de exército, de linha dura, o qual após terminada sua missão pela ONU, foi enviado ao Congo, obviamente, para o afastar da Missão Maior, de Salvar nossa Nação!, vejam suas palavras abaixo publicadas:"Os principais responsáveis pelo país são seus cidadãos. Não existe missão que vá para um local para consertar tudo. O desenvolvimento do país passa pela responsabilidade do próprio povo e dos governantes", afirma o GENERAL CARLOS ALBERTO DOS SANTOS CRUZ .


Não devemos esquecer do General Camilo, linha dura, "cara de mau", que assustou os terroristas, guerrilheiros, comunistas, psicopatas, corruptos e ladrões do nosso Brasil, ao dizer o abaixo transcrito:

"Só para lembrar, ainda estamos VIVOS, estamos nas ruas e de olho em tudo que está acontecendo aos olhos e fora dos olhos do povo!

Aos desavisados, aos que desejam o caos, aos que ferem a Constituição Federal, aos que minam por decreto espúrios a democracia brasileira, lembramos que estamos mais VIVOS do que em 1964 e que nenhuma ideologia podre é capaz de "fazer as cabeças" dentro das Forças Armadas Brasileiras.

O tranco vai ser forte e quem não acreditar é bom começar a orar!
Podem se preocupar, podem se desesperar aqueles que, políticos ou não, permitiram que a Nação chegasse ao atual estado de degradação político institucional.

Não queremos choros e lamúrias, não queremos arrependimentos e anistias.
Preparem-se e não digam que não foram exaustivamente avisados!
O recado está dado!”



General do Exército do Comando Militar do Sudeste, GENERAL DE EXÉRCITO JOÃO CAMILO PIRES DE CAMPOS.

Khatya Gwerra